SC terá fábrica de uma das maiores indústrias de panificação do Brasil

A Wickbold, uma das maiores indústrias de panificação do Brasil, anunciou que vai construir uma fábrica em Santa Catarina. A unidade, a quinta no país, faz parte dos planos de expansão programados para este ano. A cidade, no entanto, ainda não foi definida. O Noticenter apurou que a empresa está avaliando terrenos e questões relacionadas à infraestrutura logística, já que o principal objetivo da nova planta é melhorar a distribuição dos produtos na região Sul. A decisão, possivelmente, deve sair na próxima semana. “O empreendimento aumentará a nossa capacidade produtiva em 12%, suprindo a alta demanda de mercado”, informa Bernardino Costa, diretor comercial da empresa.

Além da nova fábrica, a Wickbold vai ampliar a unidade de Hortolândia (SP), inaugurada em 2007. Uma quarta linha de produção será instalada, aumentando a capacidade de produção em 25%. Hoje a planta tem cerca de 22 mil metros quadrados de área construída e é responsável pela produção de pães especiais, tradicionais e bisnaguinhas. Juntos, os dois projetos vão consumir investimentos de R$ 25 milhões.

Líder no segmento de pães especiais, que inclui as linhas Integral, Light e Funcional, a Wickbold tem 74 anos de mercado. Possui, hoje, quatro unidades fabris e nove unidades de distribuição, que levam seus produtos para as regiões Sul e Sudeste, além dos estados de Goiás, Tocantins, Bahia e do Distrito Federal. Em 2011, registrou um faturamento de R$ 511 milhões. Com os planos de expansão, a empresa planeja chegar ao primeiro bilhão em três anos.

 

Noticenter – 08/02/2012

Link de origem

Tags:

PROGRAMA CATARINENSE DE INOVAÇÃO

Fechar [X]

 

O Governo do Estado apresenta o Programa Catarinense de Inovação (PCI). O programa está baseado em três eixos: capacitar pessoas e empreendedores para os desafios do futuro, atrair novos investidores de setores estratégicos e criar habitats de inovação. A intenção é ajudar Santa Catarina a alcaçar o estado máximo da inovação. 

 

O PCI tem coordenação da Secretária de Estado do Desenvolvimento Econômico Sustentável (SDS), em parceria com a Fundação de Amparo à Pesquisa e Inovação (Fapesc), a Federação da Indústria de Santa Catarina (Fiesc) e o Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas de Santa Catarina (Sebrae/SC).


 

EM BREVE, mais informações sobre o Programa Catarinense de Inovação. Inscreva-se para recebê-las:


 

Baixar folder: ProgramaCatarinenseDeInovacao.pdf